– O que você está fazendo, Tainá?
– Um vagalume de origami. A gente vai dobrando o papel de um monte de jeito até que ele vire um vagalume…

Como a Tainá disse, dá para fazer muita coisa apenas dobrando um papel. Essa é uma arte milenar vinda do Japão, chamada de Origami. Cada figura de origami tem um significado diferente para os japoneses; o que esse vagalume vai significar pra você?

Mãos à obra!

Passo 1: Pegue uma folha de papel quadrada e corte-a na diagonal para que se torne um triângulo. Ou recorte o modelo da página 32 do livro Céu de Papel.
Passo 2: Com o lado preto voltado para cima, ou qualquer lado, se o papel for todo branco, dobre-o ao meio e desdobre.
Passo 3: Dobre os cantos inferiores para que as pontas se encontrem no topo do triângulo.
Passo 4: Dobre as duas abas, mas dobre-as em um leve ângulo para que as pontas se afastem uma da outra e pareçam asas.

Etapa 5: Dobre a camada de traz. Não dobre exatamente ao meio, mas um pouco acima. Por enquanto essa dobra é apenas para marcar. Desdobre.

Passo 6: Torne a camada de traz mais estreita dobrando-a em três. Em seguida, dobre novamente o vinco feito na etapa 5. No modelo do livro tem a marcação de apoio na faixa mais clara.
Passo 7: Dobre para trás uma boa parte dos lados esquerdo e direito do modelo. Ajuste o papel até que a forma seja a do nosso vagalume e que os lados esquerdo e direito iguais um ao outro. Aperte as linhas das dobras para fixar.
Passo 8: Dobre as pontas das asas para trás.
Passo 9: O vagalume está quase pronto, agora é só pintar como achar melhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *