CÉU DE PAPEL

A história do nascimento de uma história

Com uma pergunta e muita imaginação, duas crianças, um enorme elefante e pequenos vagalumes aventuram-se por um Céu de Papel. Para além do livro, uma equipe muito criativa preparou uma série de atividades, jogos, músicas, experiências e brincadeiras, tudo com livre acesso, aqui mesmo, nesse site.

E pra quem quiser adquirir o livro impresso, pode comprar no botão abaixo ou nas grandes lojas – mas aqui é mais barato 😀

Quero o livro

Contação da história

Música - Céu de Vagalumes

Atividades Pedagógicas

“E se as histórias para crianças passassem a ser de leitura obrigatória para os adultos? Seriam eles capazes de aprender realmente o que a tanto tempo têm andado a ensinar.”   (José Saramago.)

Talvez ninguém duvide que na infância nossa mente está mais aberta a imaginar e a criar infinitas realidades. Nossos olhos encantam-se a cada descoberta e nossa mente viaja em muitas possibilidades de criação. Alimentar essa construção criativa é um modo que nós, os adultos, temos de contribuir para formação humana dessas crianças. Por isso convidamos todos vocês a embarcarem nessa proposta que o livro “Céu de papel” traz. Com uma pergunta do tamanho de um elefante, o mundo se apresenta por meio das interrogações para o Léo e para todos nós!  (leia mais)

– Equipe Pedagógica

 

Personagens

Tainá

A história dentro da história é contada por Tainá, uma criança Griôt. Ela cria, preserva e transmite os contos, conhecimentos, canções e mitos do seu povo. Seu nome é Tupi-Guarani. Tainã é como chamam as estrelas.

Vagalumes

Tainá aprendeu com sua avó que dobrando o papel de certa maneira dava pra fazer cachorro, gato e cocoricó. Ela fez vagalumes, desses que voam pelo universo tentando descobrir novos jeitos de iluminar.

Léo

Léo é cheio dos porquês. Quando encontra uma boa pergunta, ele a encara de frente, não importa seu tamanho. A coragem de perguntar e a ousadia de se encantar com as possibilidades das respostas é seu jeito de se aventurar.

Elefante

Dizem que é mais fácil colecionar certezas. As dúvidas são enormes, não dá pra guardar nas prateleiras. Elas surgem com sombras amedrontadoras! É de pertinho, arriscando a mão na pele àspera, que se descobre: elefantes são dóceis e amigos.

Especificações:

Grampeado: 32 páginas;
Miolo: Papel couche fosco 115g;
Capa: Papel cartão 300g laminado fosco;
Editora: Poema em Pé;
Edição: 2ª;
Idioma: Português;
ISBN: 978-85-85041-00-7;
Dimensões do produto: 20 x 20 x 0,8 cm;
Peso de envio: 150 g

Depoimentos

Patrocício